Lionel Messi retorna ao PSG com homenagem a Pelé e gol na vitória sobre o Angers | Paris Saint-Germain

Lionel Messi comemorou seu retorno às competições nacionais após a Copa do Mundo marcando um gol no segundo tempo como Paris Saint-Germain ampliou sua liderança na Ligue 1 para seis pontos com uma vitória em casa por 2 a 0 sobre raivas.

Messi, que vestiu uma camiseta em homenagem a Pelé durante o aquecimento, foi muito bem recebido pela torcida do Parc des Princes. Ele marcou de perto aos 72 minutos para aumentar a abertura de Hugo Ekitike no primeiro tempo, colocando o PSG com 47 pontos em 18 jogos.

lente ficou o segundo gol caiu dois pontos em um empate 2-2 em lutando Estrasburgo com todos os gols sendo marcados antes do intervalo.

Terceiro lugar Marselha estão agora dois pontos atrás do Lens, com 39 pontos, após uma vitória por 2 a 0 sobre troyes.

Ross Barkley marcou duas vezes como Legal respondeu à demissão de Lucien Favre com uma goleada de 6 a 1 sobre Montpellier. O emprestado do Arsenal, Nicolas Pépé, também fez um duplo.

Thibaut Courtois defendeu a cobrança de pênalti mal acertada de José Gayà para dar real Madrid uma vitória por pênaltis por 4 a 3 sobre Valência na semifinal da Supercopa da Espanha na Arábia Saudita.

Karim Benzema comemora com Thibaut Courtois e Marco Asensio
Karim Benzema (à direita) comemora com Thibaut Courtois (à esquerda) e Marco Asensio. Fotografia: Giuseppe Cacace/AFP/Getty Images

As duas equipes terminaram empatadas em 1–1 após 90 minutos e prorrogação. Karim Benzema deu ao Real Madrid, atual titular, a vantagem de pênalti ainda no primeiro tempo, após ser tocado na área por Eray Comert, mas Valência voltou ao jogo e empatou merecidamente com um voleio de Samuel Lino após um cruzamento de Toni Lato logo após o intervalo.

Vinícius Júnior poderia ter vencido para o Real Madrid na prorrogação, mas seu chute à queima-roupa foi defendido por Giorgi Mamardashvili. O Real Madrid enfrentará o vencedor da semifinal de quinta-feira entre Real Betis e Barcelona na final em Riad no domingo.

Na Itália, Milão caiu fora da Coppa Italia depois de uma derrota em casa por 1-0 para Turim. Koffi Djidji viu o cartão vermelho aos 70 minutos, mas Ndary Adopo marcou na prorrogação para os 10 jogadores.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *